H2SOlitros - Coimbra

Blogue da antigos estudantes de Coimbra. Para recordar...



Saudações Académicas...

quinta-feira, julho 16, 2009

Alunos fecharam ISEC



Alunos do Instituto Superior de Engenharia de Coimbra (ISEC) fecharam ontem, por volta das 19h00, os portões do estabelecimento de ensino a cadeado.

No interior ficaram retidos estudantes, docentes e funcionários. O bloqueio das portas surgiu no seguimento de uma reunião entre docentes e alunos que aconteceu ao longo da tarde, onde os professores «explicaram a sua posição em relação ao Estatuto da Carreira Docente». «A ideia era falarmos de formas de luta em comum, em equipa», assegurou o professor Viriato Marques.Mas a reunião não correu como os estudantes desejavam. «Queríamos ouvir que os professores iam parar com a greve e que ficasse decidido quando seria a nova época de exames», afirmou a estudante Nina Medeiros.

No final da reunião os portões da escola já estavam fechados a cadeado. «Estamos a ser injustiçados, estamos a sofrer muito com a greve dos docentes», justificou Márcia Cabral, vice-presidente da Associação de Estudantes do ISEC.O movimento surgiu de forma espontânea, não sendo motivado pela Associação de Estudantes.
Para Nina Medeiros é fácil perceber porquê. «É que andamos o semestre todo a trabalhar para os exames e agora não sabemos quando os vamos fazer. Há alunos PALOP ou das ilhas que têm que saber quando vão para casa e temos colegas a trabalhar e outros que vão iniciar estágios», lamentou a estudante.

Os alunos com quem o Diário de Coimbra falou queixam-se ainda de não terem sido ouvidos antes da greve e garantem que agora sentem-se «enganados pelos professores».

É importante salientar que os estudantes estão ao lado dos professores no que diz respeito ao protesto contra o novo Estatuto da Carreira Docente. Não aceitam é a forma de luta encontrada, a greve aos exames por parte dos professores. «Concordamos com o conteúdo do protesto deles, mas não com a forma», sintetizou Márcia Cabral.À entrada do ISEC era bem visível uma tarja com as palavras “Sem frequências, agora sem exames! É triste!”.

Fonte: Diário de Coimbra

0 Comments:

Enviar um comentário

Links para este post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Google
Pesquisa na internet Pesquisa em H2SOlitros